Texto Maior
Texto Maior
Texto Maior
Texto Menor
Texto Menor
Texto Normal
Texto Normal
Contraste
Contraste
Libras
Libras
Vlibras

O conteúdo desse portal pode ser acessível em Libras usando o VLibras

Acesso à informação
Acesso à informação
Icone Notícia

Assuntos Jurídicos - Sexta-feira, 31 de Agosto de 2018

Irregularidades cometidas pela administração Oscar Yassuda atrasam a obra do Centro de Lazer de Paulópolis


Irregularidades cometidas pela administração Oscar Yassuda atrasam a obra do Centro de Lazer de Paulópolis

Desde o início da administração Tina Januário, a vila de Paulópolis vive dias de progresso com reformas, obras e muitas novidades. Os cursos gratuitos profissionalizantes do ECAP chegaram ao local, a Avenida Bonifácio Martins foi recapeada, a iluminação sofreu melhorias - como na rotatória, na rua João Galina, na Avenida Bonifácio Martins, na rua Luiz Mazuqueli e no acesso às Chácaras, após a travessia da linha -, o velório foi reformado e o novo Centro Cultural já foi inaugurado, onde antes havia uma Biblioteca abandonada. Além disso, a Prefeitura busca concluir obras inacabadas, deixadas em estado de abandono pela antiga administração, porém, irregularidades em convênios e na prestação de contas da administração Oscar Yassuda são um verdadeiro entrave. Em relação ao Centro de Lazer de Paulópolis, obra que teve início em 2014 e que pouco avançou desde então, há inclusive um processo judicial em curso, instaurado pela atual gestão, em virtude das irregularidades identificadas.  

O convênio - assinado em 2013 – deu origem a uma licitação em 2014 e a empresa MAJE foi a vencedora, passando a ter a garantia da permissão para iniciar a obra. Apesar disso, pouco foi feito e a obra ficou por um ano abandonada. Com a posse da prefeita Tina Januário, a nova administração foi em busca de investigar o motivo da interrupção da obra e constatou diversas irregularidades no convênio e na prestação de contas.

Após vistoria, o engenheiro da CAIXA/GIGOV – instituição financeira que gerencia os repasses de convênios federais – constatou que foi pago para a empresa 33% a mais do que o devido, levando em conta a porcentagem de execução da obra – uma ilegalidade gravíssima.  A nova administração tentou entrar em contato com a empresa MAJE por diversas vezes, mas sem sucesso.

Após instaurar o processo judicial por conta dos pagamentos realizados ilegalmente pela administração Yasuda, a administração da prefeita Tina Januário também realizou uma nova licitação para a retomada da obra, o que deve acontecer em breve. O vereador Leão, de Paulópolis, comentou o assunto.

“O povo de Paulópolis esperava a academia, a piscina e está triste com essa promessa não cumprida pelo ex-prefeito Oscar Yasuda. Eles sempre me perguntam sobre a obra e eu explico que aconteceram essas irregularidades, como o pagamento a mais do que tinha sido executado. E foi além do Centro Esportivo, ele deixou a biblioteca sucateada, o velório detonado, o Centro Comunitário sem ventilador, sem vidros, com vazamentos no telhado, ele esqueceu que Paulópolis existia. É claro que a Prefeita Tina não vai conseguir resolver tudo de uma hora pra outra, mas ela já fez muito e vai fazer ainda mais”, comentou o vereador Valdir Cervelin, o “Leão”.

FacebookTwitterWhatsApp

voltar para a listagem de notícias...

Icone Telefones Públicos

TELEFONES PÚBLICOS

Prefeitura Municipal
  • Tel: (14) 3405-1500
Secretaria Municipal de Administração
  • Tel: (14) 3405-1504
Secretaria Municipal de Finanças
  • Tel: (14) 3405-1512

Ver todos os telefones...