Administração Tina Januário zera fila por cirurgias de catarata

Saúde - Sexta-feira, 30 de Novembro de 2018


Administração Tina Januário zera fila por cirurgias de catarata

Após mais de 200 atendimentos proporcionados por uma parceria com o Hospital Beneficente Unimar, a administração da prefeita Tina Januário conseguiu zerar a fila por cirurgias de catarata no Município. Os pacientes de Pompeia e seus acompanhantes foram levados até o HBU em Marília onde foram atendidos em quatro “carretas hospitais” instaladas em uma grande tenda, com excelente estrutura e organização.

Primeiro os pacientes eram identificados e avaliados por médicos para a pré cirurgia. Depois de preparados, passavam para o ambulatório cirúrgico, onde eram realizados os procedimentos e feitas as avaliações pós-cirúrgicas. Lá os cidadãos também recebiam todas as instruções necessárias, o medicamento e os óculos de sol que devem ser utilizados continuamente por um mês. Além disso, um número de telefone (0800) foi disponibilizado para que os pacientes possam tirar quaisquer dúvidas que surjam nos próximos dias. O bom atendimento e todo o cuidado da administração Tina Januário, que forneceu lanches para pacientes e acompanhantes, foi bastante elogiado.

“Olha, o atendimento foi dez. E nós queremos muito agradecer a nossa prefeita por ter nos proporcionado essas cirurgias. Eu pesquisei o preço das cirurgias que são caríssimas. Ficaria R$ 7 mil cada olho. E eu fiz a cirurgia nos dois olhos. Eu estou muito grata. E outra, até o lanche a prefeita mandou pra gente. Foi incrível! As outras Prefeituras não mandaram, e ela mandou. Então você vê que até nisso a nossa prefeita pensou, até nisso ela é diferente. Por isso nós agradecemos de coração. A Tina está de parabéns. Se não fosse pela Prefeitura, pelo DHS e pela UNIMAR eu não conseguiria essa cirurgia. E foi tudo muito bem organizado. Parabéns, prefeita Tina. Continue sempre assim. Seu coração é demais. Quando a gente fala dela dá até vontade de chorar, porque nós conhecemos ela e sabemos da bondade dela, do coração enorme que ela tem. Muito obrigada, prefeita Tina”, agradeceu a pompeiana Isaura Teotonio Lopes.

A dona Orminda Cardoso, que acompanhou a irmã, também destacou o ótimo atendimento. “Eu achei maravilhosa a atenção que tiveram com as pessoas, desde o atendente do DHS, os motoristas, os médicos. Foi um atendimento de primeiro mundo. Estava tudo muito bem organizado. Achei maravilhoso. A administração que proporcionou isso pra gente fez muito bem feito, está de parabéns. Quando você terminava de ser atendido tinha uma pessoa para te trazer de volta. Se você não conseguia andar, eles te carregavam no colo com o maior cuidado, podia ser adulto, pessoas de idade, quem fosse. A ambulância sempre à disposição. A única ambulância que eu vi lá foi de Pompeia. A administração municipal pensou em tudo. Nós fomos levados até lá, depois nos trouxeram de volta, ganhamos lanche, tínhamos lugar para sentar. Estão todos de parabéns, principalmente a administração Tina Januário. Os únicos pacientes que recebiam lanche fomos nós de Pompeia”, comentou Orminda.

Segundo a pompeiana Amália Oss, o tratamento respeitoso e carinhoso da Prefeitura de Pompeia com os cidadãos impressionou até mesmo os moradores de outras cidades. “Parabéns a nossa prefeita Tina, porque a fila que estava grande agora não existe mais, graças ao empenho dela. Além disso, o cuidado da administração de fornecer o lanche foi reconhecido e admirado não só por nós de Pompeia como pelos moradores de outras cidades, que não receberam a mesma atenção das suas gestões municipais. Às vezes a gente ficava até meio acanhado de comer os nossos lanches, porque a gente de Pompeia tinha lanche, tinha tudo, e os vizinhos do lado, de outras cidades, não tinham”, contou Amália.

Outra pompeiana a destacar o valor das cirurgias proporcionadas pela administração municipal foi a senhora Cir Martins, que acompanhou a mãe, que já comemora a recuperação da visão. “Minha mãe e todos os idosos que estavam lá foram muito bem atendidos. O atendimento do DHS também foi maravilhoso, porque os funcionários estavam sempre por perto, perguntando se estávamos precisando de alguma coisa. Achei maravilhoso e um gesto muito carinhoso da prefeita fornecer esses lanches para os pacientes de Pompeia. Não tem onde comprar comida lá por perto. Nós ficamos pensando, meu Deus, o que nós vamos fazer. De repente o DHS chegou com os lanches e os idosos ficaram muito felizes. A visão da minha mãe já está ótima. Não houve nenhuma complicação. Nós sabemos que é muito difícil pagar uma cirurgia dessas. É muito caro. E nós tivemos isso proporcionado pela administração municipal. Ficamos maravilhados”, agradeceu Cir Martins.

Para Adriana Falcon, a administração municipal também está de parabéns. “Nós de Pompeia ganhamos lanches, suco, água, o que foi muito importante porque por se tratar de um mutirão, o tempo de espera pode ser um pouco longo. A administração municipal está de parabéns”. Já Edileusa Alves dos Santos comemorou o fato de o pai já ter saído da cirurgia feliz por estar enxergando bem. “Meu pai fez a cirurgia e está ótimo. Saiu de lá já comemorando dizendo que está enxergando bem. A prefeita Tina foi muito bem porque as pessoas ficam lá paradas, não podem sair, e é um lugar distante das lanchonetes, e a Prefeitura de Pompeia e o DHS forneceram esses lanches não só para os pacientes, como também para os acompanhantes, o que foi perfeito. Não temos o que dizer. Foi tudo perfeito”, comemorou.

O trabalho da prefeita Tina Januário foi destacado até mesmo pela diretora do HBU, Márcia Mesquita Serva, que fez questão de exaltar a parceria com a Prefeitura de Pompeia. “É preciso destacar o trabalho feito pela prefeita Tina, que é uma parceira de primeira hora. Ela disponibilizou, sem qualquer custo ao hospital, ambulâncias que ficaram à disposição para atender qualquer eventualidade que fosse necessária. Ficamos felizes pela disposição da prefeita, em respeito aos munícipes de Pompeia e a todos que foram atendidos, pois os veículos estavam à disposição de todos”, explicou Márcia Serva.

Márcia também lembrou que o trabalho não acabou com o encerramento das cirurgias de catarata. “Ainda tem o retorno que todos vão fazer. Os pacientes operados ainda passam por três consultas de retorno, uma com 24 horas da cirurgia, outra com sete dias e a última um mês depois. Tudo incluído no mutirão”, explicou.

Prefeitura Municipal de Pompeia


Estado de São Paulo